quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Retrato a Sépia

Aurora teve uma vida repleta de momentos interessantes. Cada passo, cada escolha tem implicações no futuro. Por isso, a mais singela decisão, seja tomada pela personagem principal ou pelos seus familiares, determina o crescimento de uma criança que logo à nascença tinha o destino traçado.

A criança é fruto de um amor impossível. Como que por castigo, o seu nascimento dita a morte de sua mãe, a bela e irresistível Lynn. O pai, Severo del Vale, por entre várias adversidades rende-se a Nívea, a sua eterna apaixonada.

A criança cresce num ambiente cosmopolita e é educada por Paulina del Vale, a sua avó adorada. Aurora tem uma infância feliz, mas assombrada por pesadelos misteriosos. A criança torna-se mulher e rapidamente é obrigada a casar com um homem que espera amar no futuro e não no presente.

Um livro épico que debate a morte, o amor, a vida e a importância do passado na construção do futuro. A pouco e pouco, o leitor descobre as intenções escondidas de todas as personagens e acompanha a evolução sentimental de Aurora.

Há muito mais a contar sobre a vida de Aurora, mas jamais poderia desfazer a curiosidade e revelar os pormenores que apimentam este livro. De leitura atenta e cuidadosa, a narrativa deve ser acompanhada até à última palavra. Muitos segredos há para desvendar.

Iletradas
Autor     Isabel Allende
Publicação    2000
Editora    Difel
ISBN    9722905325

Sem comentários:

Publicar um comentário